'

Sobre nós / About

foto pro site

O Quadro, em meia década de existência e mais de 25 curtas-metragens realizados, estabeleceu-se produzindo filmes jovens, com temática ligada ao amor, tratados de forma bem-humorada e autoral.

Com curtas-metragens exibidos nos principais festivais de cinema do Brasil e em canais de tv como TNT, TCM e Canal Brasil,  a produtora agora se prepara para lançar seu primeiro longa-metragem, “Jaqueline, Mississípi”.

The production company O Quadro, in five years of existence and a filmography composed by more than 25 short-films, estabilished itself nationally as a group that produces romcoms for young audiences, with  ligth-hearted sensibilities and an auteurist aproch. 

 

ANDERSON SIMÃO | anderson@oquadro.net

Homem dos contratos e planilhas, Anderson Simão é produtor executivo da maioria dos projetos do Quadro. Quando não está dizendo “corta” para as planilhas de orçamento, diz “corta” para o operador de câmera. Entre os destaques como diretor, está Jaqueline, Mississipi (2016/2017), primeiro longa-metragem da produtora.

CHRISTOPHER FAUST | christopher@oquadro.net

Natural de Blumenau – SC, Christopher Faust se divide entre cuidar das finanças da produtora, montar a maioria dos filmes e escrever e dirigir seus próprios projetos. Vários dos curtas-metragens dirigidos por Faust tiveram larga circulação em festivais de cinema, cineclubes e canais de tv. Entre os destaques estão Garoto Barba (2010), O Último Dia (2010), Máquina de Sorvetes (2011),Festa no Apartamento da Suzana (2012), Tudo Bem (2012)  e Garoto Propaganda (2015).

EVANDRO SCORSIN | evandro@oquadro.net

Evandro Scorsin foi diretor de produção de todos os curtas-metragens da produtora, desde 2010. Exerce, também, assistência de direção;  Aparece como ator tanto em seus filmes quanto nos dos companheiros do Quadro. Garota Explosiva (2012), Um Verão em Vênus (2013) e Manu Baunilha, Bia Chocolate (2014) estão entre os principais curtas-metragens dirigidos por Scorsin.

WELLINGTON SARI | wellington@oquadro.net

Os curtas-metragens escritos e dirigidos por Wellington Sari ajudaram a estabelecer a identidade inicial do Quadro. Além de atuar e escrever seus próprios filmes, executa também essas funções em projetos dos outros membros da produtora. É responsável pela comunicação do Quadro. Entre os destaques de Sari como diretor estão Romance Edmottês (2010), Monique ao Sol (2011),  Surf Surf (2012), Super Blue (2013) e Coração Azul (2014). Como roteirista,  Manu Baunilha, Bia Chocolate (2014), o média-metragem Dias de Trovão (2015) e o longa Jaqueline, Mississípi (2016/2017) podem ser destacados.